Lord Foul’s Bane (The Chronicles of Thomas Covenant the Unbeliever #1) – Stephen R. Donaldson | Desconstruindo o Escolhido! | NITROLEITURAS #fantasia #resenha

O começo da saga do anti-herói Thomas Covenant, a obra máxima de Stephen R. Donaldson e um dos livros mais influentes no gênero de fantasia brutal e sombria ou grimm fantasy e dark fantasy!

Lord Foul’s Bane (The Chronicles of Thomas Covenant the Unbeliever #1) – Stephen R. Donaldson | 480 páginas, 1989 Del Rey / Ballantine (1ed. 1977) | Lido de 20.04.18 a 25.04.18 | #fantasiasombria #fantasiabrutal |NITROLEITURAS

SINOPSE

Ele se chamava Thomas Covenant the Unbeliever porque não ousava acreditar no estranho mundo alternativo em que de repente se encontrava.

No entanto, por um acaso do destino ele é transportado para o mndo mundo conhecido como “The Land”. Ele, um doente de lepra, com uma vida destruída, agora era a única esperança de salvação de um mundo fantástico.

Agora ele era considerado uma reencarnação do maior herói da “Land” – Berek Halfhand – armado com o poder místico do Ouro Branco. Um destino que ele odeia profundamente e rejeita com todas as forças!

O poder que supostamente ele possui seria capaz de proteger os Senhores da “Land” do antigo mal do Desprezador, o Lord Foul. Porém, Thomas não tem ideia de como o poder poderia ser usado! E nem mesmo quer usar esse poder!

E, caso ele acredite que o mundo onde está é real, Thomas acredita que ficará completamente louco!

Assim começa uma das mais notáveis fantasias épicas já escritas.

Stephen Reeder Donaldson é um romancista de fantasia, ficção científica e mistério americano, mais famoso para as Crônicas de Thomas Covenant, sua série de fantasia de dez novelas. Seu trabalho é caracterizado por complexidade psicológica, abstração conceitual, desolação moral e uso de um vocabulário obscuro, e tem atraído elogios da crítica por sua “imaginação, caracterizações vívidas e ritmo acelerado”.


RESENHA

A saga de Thomas Covenant, e principalmente Lord Foul’s Bane, é um dos maiores mistérios da literatura de fantasia. O primeiro livro da saga, lançado em 1977, chegou a vender 10 milhões de exemplares nos EUA, e deu início à série de 10 volumes, mesmo dividindo as opiniões dos leitores e da crítica.

É uma daquelas obras que não se tem muito meio termo entre o público, ou o leitor adora ou odeia. E acredito que entendo o porquê dessa reação.

Nessa minha primeira leitura, fiquei impressionado com o que o Stephen R. Donaldson conseguiu fazer com a fantasia de inspiração tolkeniana e C.S.lewisiana, pois o livro é uma espécie de desconstrução tanto do Senhor dos Anéis quanto do Crônicas de Nárnia.

O protagonista Thomas Covenant é uma espécie bem peculiar de anti-herói, com uma moralidade bem mais complexa do que se costumava fazer na fantasia até a década de 80. Ele comete atos abomináveis no começo da narrativa, tem um profundo ódio de si mesmo, causado principalmente por ter sido atingido por um tipo muito virulento de lepra e pelo estrago que isso causou em sua vida, e, mesmo assim, entra em uma complexo caminho de auto redenção, enquanto caminha no limite entre a sanidade e a insanidade, à medida que vive suas aventuras na “The Land”.

Criando as bases da Grim Fantasy – Fantasia Brutal que tanto faz sucesso hoje em dia, e tendo como herdeiros George R. R. Martin (que é amigo pessoal de Donaldson) e o grande Stephen “Malazan” Erickson (que também é amigo pessoal de Stephen R. Donaldson), Lord Foul’s Bane é uma espécie de anti-fantasia.

Todos os tropos tradicionais da fantasia estão presentes, porém, no melhor estilo da fantasia brutal, transformados e pervertidos principalmente porque o ponto de vista narrativo é do cínico e amargo Thomas Covenant. Sua visão crítica tinge de loucura a “honra” dos povos élficos, gigantes, magos, etc. que encontra em seu caminho, e o aproxima do “grande mal” da narrativa, Lord Foul.

Diferente da fantasia convencional, onde o autor pretende que o leitor se entregue ao mundo de fantasia, Thomas Covenant, questiona, o tempo todo, a lógica e a sanidade do mundo em que se encontra. E essa tensão dá um tipo diferente de profundidade à história.

Lord Foul’s Bane relata a primeira parte de uma batalha épica entre as pessoas boas da “Land” e o mal que iria destruí-lo, Lord Foul. Ao mesmo tempo, o livro narra a história de Thomas Covenant, um leproso cuja doença lhe custou sua esposa, seu filho e a rejeição sociedade; sua potência sexual; dois dedos da mão direita; e os nervos em seus dedos das mãos e pés.

Em um mundo que odeia e teme os leprosos, Covenant desiste toda esperança – de saúde, amor e contato humano significativo.

E é esse o homem que, após um acidente, “acorda” na “Land” – um lugar de magia, onde sua lepra é curada.

Porém, ele rejeita esse fato recusando a acreditar na “Land” e em seus habitantes, com medo de elouquecer!

Acredito que muitos leitores rejeitam a narrativa nesse ponto, porque a tensão “crença” versus “descrença” é carregada ao longo da narrativa, até o final. E essa descrença leva Covenant, no começo de sua saga, a cometer atos terríveis, mesmo que ele sofra muito por causa desses atos e se arrependa amargamente.

A narrativa vai em um crescendo emocional e tem um final desesperador, e notei de imediato a influência em Stephen “Malazan” Erickson, que também usa de artifícios semelhantes em seus romances.

E no final, que pode ser anticlimático, Donaldson mostra o seu plano de desconstruir o velho clichê de “Pessoas do mundo real que vão para uma terra de fantasia e mudam tudo”.

E, sumarizando, Lord Foul’s Bane trabalha uma questão ética muito interessante:

Um protagonista que acredita estar sonhando, mas a quem é dito que ele é o salvador nomeado de todo esse mundo irreal de seu sonho.

Se o protagonista se recusa em acreditar no mundo em que está, o mundo dos sonhos é destruído e ele volta para o mundo real. Porém, todos aquelas pessoas “de bem” que ele conheceu no mundo dos sonhos serão destruídas também, e, em termos subjetivos, ele agiu como um ser monstruoso e carregará essas memórias pelo resto da vida.

Se o protagonista aceitar acreditar no mundo em que está e assumir seu papel de salvador, ele salva o mundo dos sonhos, age de maneira correta, será considerado o salvador de todos os habitantes desse mundo, mas correrá o risco de jamais retornar para o mundo real, ficando, para todos os efeitos, insano!

Doidimais não?

A narrativa é mais arrastada do que em romances de fantasia mais convencionais. O foco, apesar da aparente saga de aventura de fantasia, é o que acontece na alma de Covenant. É um romance focado no protagonista, e se o leitor rejeita o protagonista, que como disse, é bem “amargo” e “abominável”, rejeitará o resto do livro.

A prosa é rebuscada, emulando o estilo de Tolkien e C.S. Lewis, mas com um contraste interessante nas passagem de Covenant no “mundo real”, onde segue uma linha mais realista, que me lembrou Henry James, uma das influências declaradas de Donaldson.

Fica a recomendação com ressalvas, pois esse é um daqueles livros que os leitores “amam” ou “odeiam”. Para quem já está acostumado com a brutalidade da série Malazan, Prince of Nothing, e semelhantes, acredito que irá gostar.

Newton Nitro 26-04-18


Se você gostou, se inscreva no CANAL NITROBLOG no YOUTUBE!
https://www.youtube.com/user/newtonrocha

Conheça meus Contos e Livros (Download Gratuito!)
https://tionitroblog.wordpress.com/livros-e-contos-do-newton-nitro/

ROMANCE MARCA DA CAVEIRA
https://tionitroblog.wordpress.com/a-marca-da-caveira-trilogia-legiao-vol-1-saga-de-fantasia-epicabrutal-e-sombria/

SERVIÇOS DE LEITURA CRÍTICA
https://tionitroblog.wordpress.com/servicos-de-leitura-critica-para-escritores-depoimento-de-clientes/

FACEBOOK – Newton Nitro
https://www.facebook.com/newtonnitro

INSTAGRAM – Newton Nitro
https://www.instagram.com/newtonnitro/


Conheça e se inscreva no MELHORE SEU INGLÊS – ÉRIKA E NEWTON, nosso CANAL NO YOUTUBE de Dicas Diárias de Inglês, com mais de 500 vídeos com videoaulas ensinando a como aprender inglês sozinho, além de AULAS AO VIVO GRATUITAS! :)

Siga o MELHORE SEU INGLÊS – ÉRIKA E NEWTON!
► Youtube: http://www.youtube.com/c/erikaenewtoninglesporskypebh
► Melhore Seu Inglês BLOG: https://melhoreseuingles.wordpress.com/
► Facebook: https://www.facebook.com/erikaenewton
► Instagram: https://www.instagram.com/melhoreseuingles
► Melhore Seu Inglês Podcast: https://melhoreseuinglespodcast.wordpress.com
► NITRODUNGEON RPG Blog: https://newtonrocha.wordpress.com/
► NITROBLOG: Resenhas Literárias, Dicas para Escritores Blog https://tionitroblog.wordpress.com/
► NITROBLOG YOUTUBE CHANNEL: Resenhas Literárias, Dicas para Escritores Blog https://tionitroblog.wordpress.com/
► NEWTON NITRO TWITCH CHANNEL: Sessões de RPG AO VIVO! https://www.twitch.tv/newtonnitro
► NEWTON NITRO INSTAGRAM: Dicas de RPG e para Escritores https://www.instagram.com/newtonnitro/
► NEWTON NITRO TWITTER: Dicas de RPG e Dicas para Escritores https://twitter.com/tionitro


erika-e-newton-ingles-por-skype

Aulas TODOS OS DIAS, de 7 às 23 horas!

Para aulas de Inglês Individuais por Skype FOCADAS EM CONVERSAÇÃO e fazer UMA AULA EXPERIMENTAL GRATUITA, basta entrar em contato no prof.newtonrocha@gmail.com ou no whatsapp (31) 9143-7388.

PREÇOS ACESSÍVEIS!

As recomendações e depoimentos de vários dos nossos alunos podem serem lidos nesse link:
https://goo.gl/6vreb2

CONTATO
Newton Rocha | Professor de Inglês – Aulas por Skype
WhatsApp: (31) 99143-7388 | Skype: prof.newtonrocha@gmail.com
LinkedIin: https://goo.gl/7rajxF
Facebook: https://goo.gl/aokHM1
Twitter: https://twitter.com/tionitro
Google +: https://goo.gl/J35qE8
Youtube Canal Nitroblog:https://goo.gl/ti9rs5

Érika de Pádua | Professora de Inglês – Aulas por Skype
WhatsApp: (31) 99223-5540 | Skype: erikadepadua@gmail.com
Linkedin: https://goo.gl/2c6QIb
Facebook: https://goo.gl/mqP5RK
Google +: https://goo.gl/bLjuCx

Anúncios

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s